O Rei e O Cadáver – 1º ATO – Cena 3 PC

Narrador: (A cortina se abrindo. Sala de audiências. Rei no trono triste e preocupado). Na manhã seguinte, o Rei nem mesmo deixou com que os súditos adentrassem a sala de audiência. Pediu ao Tesoureiro que dissesse a todos que não estava disposto a atender. Foi a primeira vez que isso ocorreu, desde que substituiu seu pai no trono. (Tesoureiro entra em cena).

Rei: (Levantando-se ansioso). Cadê o Asceta?

Tesoureiro: Não tenho notícias, meu senhor. Os guardas já foram avisados para deixá-lo entrar.

Rei: (Ainda ansioso): Mas e se ele não vier?

Tesoureiro: Então não será um homem de palavra. Demonstrará que não é confiável.

Rei: (Se acalmando e sentando-se). Você tem razão. Acha que estou depositando demasiada fé nesse homem?

Tesoureiro: Não sei, meu senhor. Vamos ver o quão digno ele é de sua fé.

(Ambos olham em direção aos portões da sala de audiência).

Rei: (Animando-se). Asceta! Que bom que veio!

Asceta: (Entrando em cena. Prostrando-se diante do Rei sem dizer nada. Depois se voltando a ele sem olhar em sua face). Eu disse que viria, majestade.

Rei: (Ansioso). Sim, disse. Preciso lhe contar o que ocorreu!

Asceta: (Tranqüilo). Estou lhe ouvindo, majestade.

Rei: (Levantando-se novamente do trono e caminhando de um lado para ou outro). Dei o elixir que me deste à minha filha. Não surtiu nenhum efeito! (Sua preocupação é nítida em sua face). Por favor, santo homem, me diga: minha filha foi amaldiçoada?

Asceta: (Pensativo). Temo que sim, majestade.

Rei: (Ainda mais preocupado). O que devo fazer então?

Asceta: O procedimento, agora, é outro. Você deve me encontrar no cemitério depois de amanhã à noite, a primeira noite de lua cheia. Não posso dar-lhe detalhes do que será feito, pois isso acabaria com qualquer sucesso que poderíamos ter. No cemitério, lhe darei as instruções nos devidos momentos.

Rei: (Ansioso e ainda preocupado). Não posso nem mesmo saber o que será feito?

Asceta: A demonstração de confiança e coragem contra o desconhecido faz parte do procedimento que devemos tomar. Se tiveres dúvidas em sua mente e em seu coração, porá tudo a perder.

Rei: (Pensativo). Se assim é. Amanhã à noite, estarei no cemitério.

Narrador: Decidido, o Rei foi rezar aos deuses que cuidassem de sua filha até que conseguisse completar sua missão, depois ele foi descansar.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: